Castanha-do-pará é aliada importante no combate ao envelhecimento. Entenda!

Rica em minerais, a oleaginosa desempenha papel fundamental no combate aos radicais livres no organismo

Todas as oleaginosas são benéficas para a saúde. Afinal, a quantidade de nutrientes encontradas nelas deixam qualquer alimento no chinelo. “É possível encontrar nesse grupo fitoesteróis, vitamina E, ácido fólico, minerais diversos, como o selênio, o manganês, cálcio e magnésio, os aminoácidos lisina e arginina, fibras e gorduras mono e poli-insaturadas”, explica a nutricionista Bárbara Rescalli Sanches. Mas, dentre todas, a castanha-do-pará é a que merece uma atenção especial. O motivo? Confira agora!

Portáteis e saudáveis
Além de possuir os benefícios básicos de qualquer oleaginosa, como melhorar os níveis de glicemia e de insulina no corpo, e reduzir o estresse, o colesterol ruim e o risco de desenvolver problemas cardiovasculares, a castanha-do-pará é prática de ser transportada, podendo ser levada na mochila sem ocupar muito espaço, e ainda ser armazenada em qualquer lugar, sem necessidade de ser mantidas refrigerada. E não para por aí. “Ainda podem proteger contra alguns tipos de câncer, como o colorretal e de próstata, pela sua grande capacidade antioxidante”, aponta Bárbara

Ela é poderosa
Essa capacidade antioxidante se deve principalmente à presença dos minerais, abundantes nas oleaginosas em geral. Mas a castanha-do-pará contém um diferencial. ““Em comparação com as outras, possui o mais alto teor calórico e proteico, além disso é riquíssima em selênio, que combate os radicais livres e o envelhecimento celular, garantindo uma vida longa e saudável”, comenta a nutricionista Juliana de Lucca.

O corpo precisa de doses diárias de minerais – como o cálcio, o fósforo, o sódio e o potássio – para manter o equilíbrio e realizar adequadamente suas funções metabólicas. Todos são importantes e indispensáveis, mas em se tratando de manutenção das células, o selênio é imbatível e está presente em grandes quantidades no alimento. Além da ação antioxidante, aumenta a resistência do sistema imunológico e protege o organismo contra as ações nocivas dos metais pesados e de certos medicamentos. Dependendo do tamanho, a castanha-do-pará pode conter até 40mg de selênio. Como precisamos diariamente de 34mg desse mineral, não é necessário consumir mais de uma unidade diária”, acrescenta a nutricionista Isabel Jereissati.

Por: João Paulo Fernandes

Texto: João Paulo Fernandes/Colaborador

Fonte: Bárbara Rescalli Sanches, nutricionista; Isabel Jereissati, nutricionista; Juliana de Lucca, nutricionista

Transcrito: https://www.altoastral.com.br/castanha-combate-envelhecimento/

 

You May Also Like

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: